Fique Diva - 'Felicidade por um fio': 5 situações do filme que todo mundo passa na transição capilar

10/10/2018 / Publicado por Vitória Quirino

'Felicidade por um fio': 5 situações do filme que todo mundo passa na transição capilar

O filme Felicidade por um Fio é uma linda história de autoaceitação que vai tocar o coração de toda menina que já passou pela transição capilar

O filme Felicidade por um Fio é uma linda história de autoaceitação que vai tocar o coração de toda menina que já passou pela transição capilar

Ter uma boa representação na mídia não é uma característica que as crespas e cacheadas estão acostumadas a lidar. Mas, felizmente, as coisas estão mudando aos poucos para quem possui fios com curvatura. E um dos avanços do movimento de aceitação dos cabelos naturais, foi o lançamento do filme Felicidade por um Fio no final de setembro.

A produção da Netflix conta a história de uma publicitária acostumada com a perfeição e que sempre sofreu problemas para manter as madeixas cuidadosamente alisadas. Após enfrentar dificuldades em sua vida amorosa, e também na profissional, a protagonista embarca em uma jornada de autoconhecimento através de um novo visual. E o Fique Diva separou 5 situações do filme Felicidade por um Fio que todo mundo passa durante a transição capilar para você conferir. Vem com a gente!

1. Sofrimento com o alisamento

Assim como a protagonista, muitas meninas entram no processo de aceitação dos cachos após alguma desilusão com o alisamento. As constantes proibições, como evitar ir à praia ou piscina, e as longas horas para fazer escova e chapinha acabam cansando quem depende da química. E os episódios de fios elásticos, danos graves à estrutura capilar e até mesmo corte químico, se tornam a gota d’água nesse cenário tão desanimador, sendo o primeiro passo para a decisão da transição capilar.

Violet Jones apresenta uma relação conturbada com o cabelo e a própria imagem

2. Medo do big chop

O Fique Diva trabalha com uma máxima: ninguém é obrigado a fazer o big chop! O grande corte representa o fim da transição capilar e elimina os fios alisados. E por mais maravilhoso e libertador que esse momento possa ser, ele também carrega muito receio. Investir no cabelo curto é uma decisão que deve ser tomada com calma e também é importante ressaltar que o friozinho na barriga sempre vai existir. Porém, a sensação de liberdade é o que faz tudo valer a pena.

3. Pressão familiar

Uma das maiores questões do filme é a pressão familiar que a publicitária Violet Jones sofre desde a infância. E não ter o apoio da mãe, do pai ou dos amigos é uma realidade já conhecida por algumas meninas que passaram ou estão passando pela transição capilar. A principal dica para superar esse obstáculo é focar nos motivos que te levaram a iniciar o processo e nos ganhos que ele vai te trazer. Afinal, a sua felicidade vai acabar contagiando as pessoas que gostam verdadeiramente de você!

A protagonista do filme Felicidade por um Fio passa por uma linda jornada de autoaceitação

4. Ser influência para outras pessoas

A transição capilar é um momento tão bonito e traz tanta força, que uma das suas consequências é servir de inspiração para as pessoas que estão ao seu redor. A influência desse processo é visível em diversas áreas da vida de quem opta pelos fios naturais e não apenas na questão estética. Você se torna mais confiante nas tomadas de decisão e tudo muda para melhor!

5. Liberdade e autoaceitação

O maior presente da transição capilar é a liberdade e a autoaceitação que toma conta das meninas que finalizam o processo. É claro, que essa parte não ficou de fora da trajetória da Violet Jones no filme, mas vamos evitar nos estender no assunto para não deixar nenhum spoiler escapar! Com todos esses pontos expostos, pode ter certeza que você vai se identificar com a história encantadora dessa protagonista que é muito gente como a gente.

Mais Matérias:

Mais Matérias

Espaço Diva

Fique ainda mais diva usando a hashtag #fiquedivacomniely no Instagram