Fique Diva - Como posso saber se meu cabelo precisa de queratina? Aprenda a identificar as características de um fio danificado

05/07/2016 / Publicado por Ariel Borges

Como posso saber se meu cabelo precisa de queratina? Aprenda a identificar as características de um fio danificado

Você já deve saber que a reconstrução capilar com queratina líquida é uma das melhores opções para salvar os cabelos danificados por relaxamentos, alisamentos e colorações

Você já deve saber que a reconstrução capilar com queratina líquida é uma das melhores opções para salvar os cabelos danificados por relaxamentos, alisamentos e colorações

A proteína penetra profundamente no fio e age de dentro para fora, repondo os nutrientes que os processos químicos retiraram, além de selar as cutículas e deixar as madeixas mais macias e cheias de brilho

A proteína penetra profundamente no fio e age de dentro para fora, repondo os nutrientes que os processos químicos retiraram, além de selar as cutículas e deixar as madeixas mais macias e cheias de brilho

O uso constante de secador e chapinha, por si só, já deixa os cabelos ressecados. Nesse caso, os fios ficam mais ásperos, mas mantém a estrutura e o brilho

O uso constante de secador e chapinha, por si só, já deixa os cabelos ressecados. Nesse caso, os fios ficam mais ásperos, mas mantém a estrutura e o brilho

Para fios quebradiços e com pontas duplas, a frequência de reconstruções capilares deve ser maior

Para fios quebradiços e com pontas duplas, a frequência de reconstruções capilares deve ser maior

Além de ressecado e quebradiço, os fios do seu cabelo podem ficar porosos, ou seja: sem brilho, elasticidade e fragilizados

Além de ressecado e quebradiço, os fios do seu cabelo podem ficar porosos, ou seja: sem brilho, elasticidade e fragilizados

As cacheadas e crespas enfrentam o problema de ressecamento natural, já que o formato em espiral impede que a oleosidade natural do couro cabeludo chegue até as pontas

As cacheadas e crespas enfrentam o problema de ressecamento natural, já que o formato em espiral impede que a oleosidade natural do couro cabeludo chegue até as pontas

Você já deve saber que a reconstrução capilar com queratina líquida é uma das melhores opções para salvar os cabelos danificados por relaxamentos, alisamentos e colorações. A proteína penetra profundamente no fio e age de dentro para fora, repondo os nutrientes que os processos químicos retiraram, além de selar as cutículas e deixar as madeixas mais macias e cheias de brilho. Se você quer experimentar, mas não sabe se seu cabelo está realmente precisando dessa recuperação, nós vamos te ensinar a como identificar os “sintomas” de um fio danificado ou de quanto em quanto tempo deve se usar a queratina. Confira, também, no final da matéria, o passo a passo para fazer a o tratamento que vai ser seu preferido a partir de hoje!

O primeiro nível é o ressecado

O uso constante de secador e prancha, por si só, já deixa os cabelos ressecados. Nesse caso, os fios ficam mais ásperos, mas mantém a estrutura e o brilho. As cacheadas e crespas enfrentam esse problema naturalmente, já que o formato em espiral impede que a oleosidade natural do couro cabeludo chegue até as pontas. Se você se encaixa nesse quadro, pode fazer a reconstrução com queratina uma vez por mês e investir em hidratações diferentes nesse intervalo.

Para fios quebradiços e com pontas duplas, a frequência deve ser maior

Os processos químicos costumam deixar as cutículas dos fios abertas e desprotegidas, o que dificulta a absorção de água pelos cabelos. Assim, eles ficam extremamente secos, quebradiços, frágeis, com pontas duplas e frizz. Também é comum que as madeixas embaracem com facilidade porque tendem a “se enroscar”. Nesses casos, a queratina vai servir para repor a água, selar as cutículas e fortalecer os fios. O ideal é que a reconstrução seja feita de 15 em 15 dias dentro de um cronograma capilar que também vai hidratar e nutrir os cabelos.

Porosidade é a maior vilã do cabelo saudável

Além de ressecado e quebradiço, os fios do seu cabelo podem ficar porosos, ou seja: sem brilho, elasticidade e fragilizados. Eles não absorvem nenhuma substância e também podem “se partir” com facilidade porque as cutículas estão permanentemente abertas. A porosidade deixa os fios mais ralos e sem volume e a queratina vai ajudar na reposição de massa e fortalecimento. Nesse caso, a reconstrução pode ser realizada semanalmente, até que os fios se recuperem e fiquem mais saudáveis.

Siga o passo a passo para fazer a reconstrução capilar com queratina líquida em casa!

1° passo: lave os fios duas vezes com o shampoo sem sal para deixá-los bem limpos e sem resíduos de oleosidade.

2° passo: depois de lavar o cabelo com o shampoo e com ele ainda úmido, borrife a queratina líquida no comprimento e pontas do cabelo. Deixe o produto agir por 10 minutos até o próximo passo.

3° passo: para ficar com as madeixas ainda mais macias, você pode aplicar a máscara da mesma linha sem enxaguar a queratina, fazendo assim, uma rápida hidratação. Para reforçar o efeito e garantir mais brilho para os cabelos, indicamos o uso de algumas gotas de óleo de argan na mistura e massagear os fios com os dedos para garantir que as substâncias penetrem com eficácia. Enxágue.

4° passo: agora que suas madeixas já estão hidratadas, retire o excesso de água dos fios com uma toalha seca. Faça delicadamente para não abrir as cutículas do cabelo que a hidratação acabou de selar.

5° passo: por último, aplique o creme para escova com filtro UV e escove as madeixas com o secador. Depois, passe a chapinha para deixar o cabelo alinhado e selar as cutículas. As cacheadas também podem passar o creme para pentear e secar os fios com o difusor.

Mais Matérias:

Mais Matérias

Espaço Diva

Fique ainda mais diva usando a hashtag #fiquedivacomniely no Instagram