Fique Diva - Está em transição capilar? Saiba quais são as 4 situações mais difíceis de lidar nesse período

27/09/2017 / Publicado por Marina Couto

Está em transição capilar? Saiba quais são as 4 situações mais difíceis de lidar nesse período

Quem está em transição capilar sabe que o período é difícil e que dá vontade de desistir

Quem está em transição capilar sabe que o período é difícil e que dá vontade de desistir

É normal querer comparar os seus cabelos com os da blogueira famosa, mas isso só gera frustração

É normal querer comparar os seus cabelos com os da blogueira famosa, mas isso só gera frustração

Outra dica importante na transição capilar é ter paciência para cuidar dos cabelos com duas texturas. Você precisa adquirir esse hábito

Outra dica importante na transição capilar é ter paciência para cuidar dos cabelos com duas texturas. Você precisa adquirir esse hábito

Nem sempre o big chop é a solução para que os cachos cresçam mais fortes e saudáveis

Nem sempre o big chop é a solução para que os cachos cresçam mais fortes e saudáveis

Depois de muito tempo de alisamento, os cabelos precisam de um tempo para se recuperarem

Depois de muito tempo de alisamento, os cabelos precisam de um tempo para se recuperarem

Mesmo que dê vontade de desistir, aguente firme que a transição capilar é só uma fase

Mesmo que dê vontade de desistir, aguente firme que a transição capilar é só uma fase

Durante a transição capilar, é normal ficar ansiosa para que os cachos cresçam e apareçam em sua forma natural. Mas sabemos que, na realidade, as coisas não funcionam desse jeito. Afinal, depois de tanta química, os fios precisam de um tempo para se recuperarem e ficarem saudáveis novamente. Por isso, quem está passando por essa fase sabe que o período não é tão fácil assim. Confira as principais dificuldades de quem decidiu encarar a transição.

O seu cabelo não é igual ao da blogueira cacheada famosa

Pior do que a ansiedade em querer que seus cachinhos cresçam de uma vez é a frustração em perceber que o seu cabelo não é da forma como você imaginou. Isso acontece porque as meninas sequer sabem como é a textura original dos fios depois de tantos anos de alisamento.

Por isso, evite a todo custo a comparação com outra pessoa, mesmo que você ache que o cacho da fulana é bem parecido com o seu. Cada cabelo é único e exige um tratamento diferente. Só você vai descobrir o que é melhor para o seu. E confie: ele é bonito do jeitinho que ele é!

Dependendo do estado do seu cabelo, o big chop não é a solução

Sim, o big chop é o jeito mais prático e rápido de tirar a química dos fios. Porém isso não significa que, logo após o grande corte, os cachos irão crescer fortes e saudáveis. Isso vai depender do estado em que seus cabelos estão e pode ser que você precise cortar os fios novamente - o que acontece na maioria das vezes.

Então, caso você esteja com medo de um corte mais radical, não tem problema. Você pode cortar as madeixas aos poucos, pelo menos a cada três meses, até ir se acostumando com o novo cabelo. Uma hora a química vai sair, não se preocupe!

Você vai ter que aprender a cuidar bem dos seus cachos

Se antes você não tinha o hábito de cuidar dos cabelos com regularidade, na transição capilar não existe muita escolha. Até porque, com a diferença de texturas, os fios costumam ficar mais frágeis e quebradiços.

Para fortalecer as madeixas, é necessário caprichar na hidratação semanal e investir em tratamentos mais profundos com frequência, como a nutrição e reconstrução. Se a grana estiver mais curta ou você não tiver muita paciência para um cronograma capilar tão regrado, as receitas caseiras estão aí para isso. Só não deixe de fazer!

Dá vontade de desistir um dia sim e outro também!

Já falamos que a transição capilar não é um dos períodos mais fáceis de se lidar. Por isso, se você tem vontade de desistir diariamente, saiba que não está sozinha. Tem dias que o cabelo não colabora, não tem penteado que dê jeito ou creme que consiga dar conta.

Por outro lado, é na transição capilar que você descobre que é capaz de muito mais. Que você se transforma em uma pessoa mais empoderada e que os momentos de baixa autoestima existem para todo mundo. Se precisar, procure ajuda com outras meninas que já passaram por essa fase, com certeza elas poderão te ajudar.

Mais Matérias:

Mais Matérias

Espaço Diva

Fique ainda mais diva usando a hashtag #fiquedivacomniely no Instagram