Fique Diva - Grávidas podem pintar o cabelo? Descubra aqui!

30/01/2017 / Publicado por Marina Couto

Grávidas podem pintar o cabelo? Descubra aqui!

Durante os primeiros três meses de gravidez, não é recomendado colorir os cabelos

Durante os primeiros três meses de gravidez, não é recomendado colorir os cabelos

Alguns médicos liberam o uso de tonalizante durante o período de gestação, mas é importante conhecer a composição do produto para não correr riscos

Alguns médicos liberam o uso de tonalizante durante o período de gestação, mas é importante conhecer a composição do produto para não correr riscos

Para disfarçar a raiz crescida ou fios brancos na gravidez, você pode fazer luzes ou mechas, que não encostam no couro cabeludo

Para disfarçar a raiz crescida ou fios brancos na gravidez, você pode fazer luzes ou mechas, que não encostam no couro cabeludo

Se optar pelas luzes ou mechas, também é necessário aconselhamento médico

Se optar pelas luzes ou mechas, também é necessário aconselhamento médico

Alisamentos, escovas para redução de volume ou relaxamento à base de formol e guanidina são proibidos para as grávidas!

Alisamentos, escovas para redução de volume ou relaxamento à base de formol e guanidina são proibidos para as grávidas!

Os cuidados com os cabelos são os mesmos para todas: cronograma capilar em dia e produtos específicos para a sua necessidade garantem madeixas mais bonitas!

Os cuidados com os cabelos são os mesmos para todas: cronograma capilar em dia e produtos específicos para a sua necessidade garantem madeixas mais bonitas!

Muitas mulheres têm dúvidas sobre coloração na gravidez. Afinal, pode ou não pode pintar o cabelo? Se não puder, tem algum método alternativo que possa disfarçar a raiz crescida ou os fios brancos durante o período de gestação? O Fique Diva conversou com a visagista e cabeleireira Andréa Gomes, do Espaço Andréa Gomes, em Copacabana, no Rio de Janeiro, que tirou todas as nossas dúvidas! Vamos conferir?

Não pode colorir o cabelo durante os três primeiros meses de gravidez

As grávidas precisam de um bom acompanhamento médico, inclusive se o assunto for beleza. Segundo Andréa, tudo depende de cada mulher, de cada gestação e de cada profissional, mas, geralmente, a coloração é proibida no primeiro trimestre. “O mais importante é conversar com o seu médico e mostrar o produto que será utilizado. Alguns liberam tonalizantes, mas essa liberação é preciso ser apresentada por escrito”.

Luzes e mechas que não afetem o couro cabeludo podem ser feitas com moderação

Uma alternativa para disfarçar os fios brancos ou mesmo a raiz que está crescendo é fazer técnicas em que o produto não seja aplicado diretamente no couro cabeludo. “Luzes e mechas são métodos alternativos, já que são feitas no papel. Outra opção é o uso da henna, que é um produto natural. De qualquer forma, esses procedimentos precisam do aconselhamento médico”, conta Andréa.

Grávida ou não, produtos com formol são proibidos!

Com os hormônios à flor da pele, é comum que os cabelos das mulheres gestantes também sofram com a mudanças. Eles podem ficar mais ressecados e mais volumosos. Por isso, as escovas que prometem redução de volume ou mesmo uma transformação capilar são uma verdadeira tentação.

Se você estiver grávida, passe bem longe! Alisamentos e relaxamentos à base de formol e guanidina, assim como descolorantes e produtos com amônia, podem trazer sérios riscos para a sua saúde e a do seu bebê.

Os cuidados com os cabelos são os mesmos para todas

Os tratamentos podem e devem ser feitos, independentemente da gravidez. “É comum que uma pessoa que faça coloração precise de cuidados pós-química. O mesmo vale para quem não faz. Hidratação, nutrição e reconstrução estão liberados para todas!”, explica Andréa.

Ainda de acordo com a profissional, vale investir ainda em produtos para fazer manutenção em casa, como shampoos e condicionadores específicos e finalizadores com filtro UV.

Mais Matérias:

Mais Matérias

Espaço Diva

Fique ainda mais diva usando a hashtag #fiquedivacomniely no Instagram